Seleccionar Página

2021 Comunicados de imprensa

Família McCartney, Joaquin Phoenix, Ela Gandhi & Outros Instam a COP26 da ONU a Adoptar o Tratado Baseado em Plantas para Evitar Catástrofes Climáticas

Contacto(s) de meios de comunicação: 

Bournemouth, Reino Unido: Nicola Harris (Director de Comunicações): +(44) 7597 514 343
Canadá: Anita Krajnc (Coordenadora da Campanha Global): +1 (416) 825 6080

1 de Novembro, 2021

GLASGOW (9 de Novembro de 2021)Paul McCartney e as suas filhas Maria e Stella McCartney, actores Joaquin Phoenix e Rooney Marae Ela Gandhi (Mahatma Gandhineta da ONU) estão a instar a COP26 da ONU a adoptar o Tratado de Base Vegetal para evitar uma catástrofe climática.

Eles juntam-se Moby, Actor britânico Peter Egan (Abadia de Downton, Unforgotten), actor Jerome Flynn (London's Burning, Game of Thrones) e cientistas líderes e líderes inter-religiosos em ienviando uma mensagem forte para A COP26 delegou hoje, exortando-os a adoptar o Tratado de Base Vegetal como um companheiro do Acordo de Paris.

A família McCartney - que lançou o Campanha de segunda-feira sem carne em 2009 - disse: “Acreditamos na justiça para os animais, o ambiente e as pessoas. É por isso que apoiamos o Tratado de Base Vegetal e exortamos os indivíduos e os governos a assiná-lo".

Ela Gandhi disse: "Subscrevo inteiramente o Tratado de Base Vegetal. Acredito que a criação indiscriminada de animais para consumo é prejudicial tanto para a saúde como para o ambiente. A indústria animal também contribuiu, em grande medida, para a deterioração da fertilidade do nosso solo e, consequentemente, do ambiente. As grandes florestas tiveram de dar lugar a criadores de gado em todo o mundo. Gandhiji na sua tentativa de transformar o seu modesto estilo de vida afluente em 1904 foi motivado por três considerações importantes, uma das quais era que uma vida que vale a pena viver é a do lavrador do solo e do artesão. Viver perto da natureza fazia parte dos seus ensinamentos. O Tratado de Base Vegetal exige exactamente isso e, por isso, apoio-o".

Peter Egan disse: "Se não reduzirmos as emissões de metano, vamos perder o nosso planeta. A agricultura animal é um dos principais contribuintes para as emissões de metano e outros gases com efeito de estufa, pelo que precisamos de avançar para soluções baseadas em plantas. É por isso que apoio o Tratado de Base Vegetal".

CQ britânico de renome Michael Mansfield disse: “Penso que quando olhamos para os danos que comer carne está a causar ao planeta, não é absurdo pensar que um dia se tornará ilegal. Os danos causados pela carne e lacticínios precisam de ser abordados com urgência; as soluções estão delineadas no Tratado de Base Vegetal, que eu subscrevo".

"Em todo o mundo, cientistas, representantes governamentais, líderes religiosos, e agora as vozes das celebridades apelam a um fim à expansão da agricultura animal e da desflorestação, a uma mudança para um sistema alimentar baseado em plantas, e ao reflorestamento e à reconstrução de terras", disse Anita Krajnc, Tratado de Base Vegetal Coordenador da Campanha Global. "Cada vez mais pessoas estão a reconhecer que o consumo de carne, lacticínios e ovos está a provocar emissões de dióxido de carbono, metano e óxido nitroso, os três principais gases com efeito de estufa - agora precisamos que os delegados da COP26 e outros líderes o reconheçam".

Fleur Dawes, Directora de Comunicação para Em Defesa dos Animais, que tem uma parceria com a Tratado de Base Vegetaldisse: "Estamos entusiasmados por os McCartneys e Ela Gandhi se terem juntado ao Tratado Baseado em Plantas para apelar aos líderes da COP26 para enfrentarem a vaca na sala. A agricultura animal é um grande poluidor, mas os líderes ignoraram-na em grande parte. Chegou a altura de ser duro com a pecuária para inverter o efeito poluente devastador que ela tem no nosso planeta. Exortamos Secretário-Geral Guterres para remover a agricultura animal suja dos nossos sistemas alimentares".

Semana passada líderes inter-religiosos incluindo o antigo rabino chefe da Irlanda também escreveu um carta aberta instando também os delegados à conferência sobre Alterações Climáticas de Glasgow a apoiarem o veganismo como uma abordagem importante para evitar uma catástrofe climática. 

#### Mais informação ####

Bens:

Foto da família McCartney: https://drive.google.com/drive/u/5/folders/1WTIX27WgpT5zQM9yNrf7NwFPhEASXN6- por favor crédito © 2021 MPL Communications Ltd / Photographer: Lily Bertrand-Webb ** Esta fotografia não deve ser cortada ou alterada de forma alguma. **

Ela Gandhi vídeo: https://youtu.be/1fwCeTiHXFQ

Acções do Tratado baseadas em plantas para a COP26: https://bit.ly/PlantTreatyPressPixVid

Contactos: 

Fleur Dawes, In Defense of Animals, [email protected], 415-879-6879

Anita Krajnc, Coordenadora Global do Tratado de Base Vegetal, [email protected], 416-825-6080

Organizações:

O Tratado de Base Vegetal é uma campanha de base concebida para colocar os sistemas alimentares na vanguarda do combate à crise climática. Baseado no popular Tratado de Combustíveis Fósseis, o Tratado de Base Vegetal visa travar a degradação generalizada de ecossistemas críticos causada pela agricultura animal e promover uma mudança para dietas mais saudáveis, sustentáveis e baseadas em plantas. Instamos os cientistas, indivíduos, grupos, empresas e cidades a apoiarem este apelo à acção e a pressionarem os governos nacionais a negociar um Tratado Internacional de Base Vegetal. Para mais informações, visite https://plantbasedtreaty.org

Em Defesa dos Animais é uma organização internacional de protecção animal sediada na Califórnia, e membro da coligação Plant Based Treaty. Em Defesa dos Animais tem mais de 250.000 apoiantes e uma história de 38 anos de luta pelos animais, pessoas e ambiente através da educação e campanhas, bem como instalações de resgate prático na Índia, Coreia do Sul e Mississippi rural. www.idausa.org

Sítio Web https://plantbasedtreaty.org/

Instagram: https://www.instagram.com/plant-basedtreaty

Twitter: twitter .com/Plant_Treaty

TikTok: https://www.tiktok.com/@tratamento baseado em plantas

Facebook: www.facebook.com/PlantBasedTreaty